Up Dicas dos Pontos de Mergulho » Barreira de Corais/Austrália


Barreira de Corais/Austrália

O Local:

A Grande Barreira de Coral (GBR) situa-se na costa nordeste da Austrália e se estende por uma faixa superior a 2.000km, sendo o maior recife de coral existente no mundo. Para visitá-la é preciso ir até a cidade de Cairns no estado de Queensland onde a maioria das grandes operadoras então localizadas.

Com uma faixa tão extensa, a GBR proporciona aos seus inúmeros visitantes uma gama de possibilidades que atende a todos os gostos. Desde saídas de praia até os live abords, os mergulhos podem ser feitos sem muvuca ou congestionamento, afinal, com uma área tão vasta, não é preciso que dois grupos escolham o mesmo lugar na mesma hora para mergulhar! ; )

Principais Pontos Visitados:

Cod Hole: Local onde é feito o Cod Feeding, um mergulho diferente onde o grupo faz um grande círculo enquanto o instrutor alimenta os Cods (Potato Cod). Mergulho obrigatório pela importância do local. Foi lá que nasceu o parque marinho da GBR.

Steeve's Boomie: Este ponto de mergulho tem a forma de churrasco grego. De navegação extremamente fácil, basta escolher a profundidade máxima e subir vagarosamente em espiral até o seu topo. Um ponto relativamente pequeno onde se pode encontrar de tudo! Ponto obrigatório!

Challenger Bay: Ponto tranquilo, com muita vida. Ideal para mergulhadores iniciantes e um excelente ponto para um mergulho noturno.

Princess Boomie: Se você acha que não é possível fazer um mergulho ruim na Austrália, conheça Princess Boomie e gaste um cilintro inteiro vendo água, areia e pedra... : (

North Horn: Ponto fora da GBR, este ponto já encontra-se no Mar de Coral em Osprey Reef e só visitado pelos barcos de live aboard. É nesse ponto onde é feito o Shark Feeding. Obrigatório!

Quando ir:

A GBR pode ser visitada em qualquer época do ano. Porém deve-se observar que nos meses de inverno a temperatura da água pode chegar aos 22graus e no verão acima de 28. Assim como a temperatura da água, a mudança de estação trás diferentes tipos de vida, sendo possível um encontro com baleias minke no inverno e raias manta no verão.

Fora o Mergulho:

Fora o mergulho vai depender muito de como você estará hospedado. Se num live aboard, só o básico. Comer, dormir, conversar, ler, etc... Se num resort, vai depender do que existe no resort e nada mais... Se na cidade, a cidade de Cairns possui uma pequena vida noturna, alguns restaurantes, shoppings e algumas atrações mais distantes como um passeio na floresta tropical, passeio de trem, visita a uma tribo aborígine, etc...

Agora, pensando na Austrália como um todo, aí fora os mergulhos, há uma infinidade de coisas a fazer e locais a conhecer que um mês inteiro no país não seria suficiente. Um ou dois dias inteiros em Cairns seriam suficientes. Tendo tempo, reserve alguns bons dias para conhecer Sydney, mais alguns em Brisbane e arredores, Se possível o Outback, etc, etc, etc... : )

O que Levar:

Para o mergulho, depende dá época. Na época mais quente, um Shorts de 3mm já é suficiente. No inverso uma roupa de duas peças de 5mm pode ser mais recomendada. Para o intervalo de superfície, o kit básico de praia. Filtro solar, óculos escuro, roupas leves, uma capa, etc... independente da época do ano.

Fora o mergulho vai depender onde e quanto tempo irá ficar na Austrália, mas uma viagem como essa, a um lugar tão distante e tão grande, é melhor não correr o risco e levar um pouco de tudo ; )

Agora, como a Austrália é uma ilha gigante, o controle alfandegário é muito rígido e assim, nem arrisque trazer alimentos ou qualquer outro produto que possa ser foco de pragas ou doenças porque serão imediatamente descartados. Mesmo produtos industrializados poderão ser confiscados dependendo do caso.

Recomendo:

Para os mergulhos, um live aboard entre 4 a 7 dias e que vá ao mar de coral para o ponto do Shark Feeding. Indo para lá, se for uma pessoa que sofre de enjôos, esteja muito bem preparada, pois a travessia é pesada e com o barco balançando muito a todo instante.

Passando em Sydney, visite o aquário. A GRB é só um dos vários ecossistemas existentes no país, assim, no aquário você poderá ver algumas vidas que só existem na parte sul da ilha como o exótico e dragão marinho. Logicamente se tiver coragem de mergulhar no lado sul, (chega a ter uma temperatura inferior a 10 graus) também poderá ser uma experiência única ; )

Outro local obrigatório seria o zoológico, ou santuário de animais locais. A Austrália possui uma infinidade de pássaros e bicho que só existem por lá, e não dá pra dizer que foi pra Austrália sem ter visto ao menos um canguru e um coala.

Em Sydney ainda que pelo menos só uma foto em frente ao Opera House é obrigatório. Conheça as praias australianas, é uma mais bonita que a outra. E partindo de Sydney quanto mais ao norte, melhores elas ficam. E também mais quentes : )

Ainda em New South Wales, podendo descer até o extremo sul do estado, ande na Great Ocean Road, dita a estrada oceânica mais bonita do mundo, onde é possível avistar os 12 apóstolos e mais uma infinidade de formações a beira mar. Em Queensland, conheça Brisbane, Sunshine Coast e Gold Coast. Mais para o centro do país conheça o Outback.









Críticas e Sugestões, favor entrar em contato:

Trilhas & Mergulho