Up Dicas dos Pontos de Mergulho » Cuba


Cuba

O Local:

Cuba é um oásis político no meio do mar caribenho. Sendo um dos últimos regimes socialista no mundo, passa por um momento de transição e incertezas em função do final da era Fidel Castro.

Apesar de sofrido e com recursos extremamente controlados e racionalizados, o povo cubano é um exemplo de simpatia e hospitalidade. A sintonia e a empatia como povo brasileiro, faz de Cuba um local muito querido e admirado por todos que vão para lá. Com exceção de Varadero e Havana, Cuba ainda mantém uma estrutura rústica sem muito conforto a oferecer aos turistas. Mas isso não torna a viagem menos prazerosa, mesmo porque quem vai a Cuba, não está atrás dos resorts e luxo de outras ilhas caribenhas, mas sim do glamour de uma terra com histórias de lutas, glórias, sofrimento e um sonho realizado. A análise de tudo isso pode gerar horas de discussões e pontos de vistas divergentes, mas a questão aqui fica totalmente à parte pois o que nos leva à Cuba está metros abaixo de toda essa discussão e Cuba com certeza é um lugar obrigatório para se conhecer debaixo d'água :)

Com mais de 1000km de leste a oeste, e diversas ilhas ao seu redor, o primeiro grande desafio é escolher onde mergulhar em Cuba. Pontos mundialmente famosos como a Ilha da Juventude e Varadero, passando por pontos menos explorados como Cayo Largo e Guardalavaca e mais alguns novos pontos que começam a ser oferecidos, Cuba com certeza é um local a ser visitado e merece um retorno, pois as opções são tantas que mesmo retornando a Cuba seu passeio será totalmente diferente.

Minha viagem focou 2 destes pontos de mergulho. O primeiro em Maria la Gorda, um hotel situado a 300km sudoeste de Havana ainda na ilha principal, um local totalmente isolado, quase na ponta leste da ilha, mas de mergulhos excelentes e de grande visitação de europeus. Com pontos de mergulhos próximos, o tempo de navegação raramente supera 15 minutos. O segundo ponto foi na Ilha da Juventude, certamente o local mais famoso de Cuba, situado a 40km de Nova Gerona, uma ilha ao sul de Havana a uma hora de vôo. Na ilha, nos hospedamos no hotel El Colony, onde diariamente pegamos um translado de 5 minutos até o pier que nos leva até a Punta Francês, cerca de uma hora e meia de navegação até chegarmos de fato nos locais onde fazemos os mergulhos por lá.

Principais Pontos Visitados:

Maria la Gorda
El Bajo de los Corales: Deve ser um ponto legal, pelo nome, deve até ter muitos tipos de corais, mas particularmente, não lembro de nada... não porque eu narcosei ou coisa parecida. Esse mergulho me marcou só por um motivo, lá estava um belo e majestoso tubarão baleia... precisa dizer mais alguma coisa??? :) SENSACIONAL!!!!
Acuario: Como o nome já sugere, um ponto forrado de peixes!!! Muita, muita, muita vida!! Mergulho raso, ótimo para o terceiro mergulho do dia e para iniciantes.
El Almirante: Típico mergulho caribenho com muitos corais, esponjas e peixes de recife. Relevo de fundo irregular dando uma atração especial ao local.

Ilha da Juventude
Cueva Azul - P7: Sem dúvida, um dos melhores pontos de mergulho em Cuba, uma fenda gigante entre dois paredões que finalizam a mais de 40m de profundidade num azul profundo nas águas transparentes de Cuba, simplesmente maravilhoso. Ponto Obrigatório!!! Mas nem precisa fazer esforço, pois os instrutores cubanos já rebatizaram esse ponto de ponto dos brasileiros!!! (rssss) É você chegar no barco, dizer que é do Brasil e os instrutores já dizem, "ok, vamos para la cueva azul" :)
Paraiso de Muke - P36: Casa de muitas lagostas gigantes, definitivamente um local proibido para se mergulhar com fome!! (rsssss)
El Paraiso de las Esponjas - P5: Local com muita vida e fendas a serem exploradas.

Quando ir:

Definitivamente de agosto a outubro, a época é péssimas para visitar Cuba em função do período de furações, diria até de julho a novembro. Lendo um prospecto dos pontos de mergulho, vi que o final de maio e começo de junho, tubarões baleia passavam por Maria la Gorda. Arrisquei e me dei bem!!! Mas depois, conversando com os instrutores, acho que foi a maior sorte, (cag...) ter visto um, tipo marketing é algo que funciona, mas muito perigoso! (rssss)

No mais a temperatura é constante em torno de 29 graus e a visibilidade pode ultrapassar os 40 metros.

Fora o Mergulho:

Tanto Maria la Gorda como o El Colony na Ilha da Juventude, são hotéis no meio do nada, então se você não for mergulhador, sinceramente não sei o que você vai fazer por lá a não ser aproveitar pra descansar muito na areia da praia.

Próximo a Maria la Gorda, existe um parque com uma pequena trilha e uma gruta. Nada de espetacular, mas vale a visita pra dar uma quebrada na rotina. A alguns quilômetros do El Colony, parece que existe uma fazenda de crocodilos que pode ser visitada. Como não fui, não posso dizer muito a respeito, mas se interessarem podem tentar levantar alguma informação no hotel. De resto, praia, sol, livros, bate-papo com a galera e muita tranquilidade...

Então, pra não ficar só nesse marasmo, reserve 2 dias ou mais em Havana. Conheça os museus, visite o centro histórico, ande pelo Malecon, conheça o processo de fabricação dos famosos charutos cubanos e caia na noite nas boates de salsa. Todos com certeza são programas obrigatórios e imperdíveis.

O que Levar:

Para o mergulho, um short-john de 3mm é mais que suficiente e para os mais friorentos uma peça inteira de 5mm atende. Fora d'agua muita bermuda, camisetas leve, óculos de sol, quilos de protetor solar e toneladas de repelente se for alérgico como eu. Os mosquitos cubanos são terríveis!!! :(

Cuba deixa muito a desejar comparando-se a outros centros de mergulho pelo mundo, então, se você estiver em um local isolado como a Ilha da Juventude ou Maria la Gorda, se arrebentar a tira da máscara, ou algo parecido, pode acabar com sua felicidade logo no início do passeio, então é bom ter alguma coisa básica para um plano B como uma 2a máscara e/ou algumas ferramentas pra pequenos reparos que pesam pouco e podem salvar uma viagem!!!

Dizem para levar euro no lugar de dólar, particularmente não vi diferença cambial nenhuma entre as duas moedas. Paguei ágil nas duas... :(

Cartões de crédito de bancos americanos não são aceitos por lá. Leve então o do seu banco tupiniquim que será aceito sem problema, mas não vale American Express.

Já falei que tem que levar repelente??? Muito repelente???

Recomendo:

Recomendo levar repelente, muito repelente de mosquito!! (rsssss)

Se você é uma pessoa que gosta de conforto, luxo, boa comida e com fartura e odeia mosquitos, recomendo ficar em casa. Você passará muita raiva em Cuba. Lembre, são todos funcionários públicos, num país sem recursos. Agora, se você for com o espírito aventureiro, disposto a conversar com o cozinheiro, taxista, a camareira, descobrirá um povo fascinante, amistoso, batalhador e muito alegre. Ao invés de ver prédios velhos, verá história, ao invés de sujeira, necessidades e luta. Faça uma imersão na cultura cubana.

Leve um livro pra ler de tarde e/ou de noite. As opções de lazer fora o mergulho são bem limitadas por lá.

Como as opções são poucas, recomendo sair daqui com um pacote montado com 3 mergulhos por dia. Sim, você pode facilmente agendar o terceiro por lá, principalmente se for para Maria la Gorda, mas se o pacote já for montado desse jeito daqui, o custo total da viagem será menor. Em Maria la Gorda o desconto é progressivo com o aumento do número de mergulhos, mas não adianta somar os mergulhos do seu pacote com os que você decidir fazer a mais por lá, já tem que sair fechado antes.

Ande tranquilamente a qualquer hora do dia ou da noite em Cuba. Havana Velha é sombria e com becos escuros que intimidariam qualquer um a andar se fosse por aqui. Mas lá a tranquilidade é total.

Fazendo conexão através do Panamá, aproveite e passe uns dias conhecendo a região. A visita ao canal é obrigatória. Ver os enormes cargueiros passando de um lado para o outro e toda a logística que envolve a travessia é bem interessante. Aproveite também e vá as compras, por ser uma área de livre comércio, você poderá encontrar produtos a preços convidativos.









Críticas e Sugestões, favor entrar em contato:

Trilhas & Mergulho